Frigideira de Porquinho: amor e ódio na cozinha

on

utensílios

Olá pessoas!

Sabe quando você vê algo nas lojas, sites e revistas e pensa: “realmente é lindo, eu quero!” Aí você compra, o utensílio não funciona e você acha que é com você? Essa aqui é uma dessas histórias.

Nem queria fazer esse post agora, mas aí comprei uma revista de decoração e a vi ali, figurando na página 71 com a chamada “divirta-se na cozinha!”. Ela tava lá, toda linda, rosa e com cara de porquinho: ela, a frigideira de porquinho. Ela, com quem desenvolvi uma relação de amor e ódio.

A revista de decoração é a Decorar mais por menos, da Editora Escala, exemplar número seis. Na revista eles indicam “acessórios e utensílios para levar graça ao dia a dia”. Mas o que sempre me intriga é: e funciona mesmo?

Marquei ali onde aparecem as coisinhas de porquinho. E ela.... a frigideira.

É esse tipo de situação que me motiva a escrever o utensílios: dar dica de quem de fato usou e testou. Adoro a minha frigideira porque a ganhei da minha amiga Ceará. Eu adoro porquinho, isso não é segredo. Quando vimos a frigideirinha, ambas sabíamos que aquele utensílio definitivamente combinava comigo e ela me surpreendeu com o presente ainda dentro da loja.

Panquequeira em ação. Começando a tufar.... e agora, como faz para virar?

Mas de que adianta um utensílio lindinho, se ele não funciona direito? Tomara que a Ceará não fique triste nem magoada, mas a frigideira de porquinho não é lá muito prática pra fazer panquecas.

Uma amiga disse que eu deveria aliviar o porquinho. Outra amiga disse que eu é que não sabia usar. Eu digo que não é nada prático virar a mini-panqueca ali dentro. Digo que, se você quer uma panqueca com os dois lados animados com cara de porquinho, você tem que fazer um certo malabarismo – a Tamy fez e conseguiu! Digo ainda que, não rola virar a panqueca simplesmente jogando-a pro ar, porque o porquinho fica de ponta cabeça. E finalmente, desabafo que, o ovo que fiz grudou (e sim, eu coloquei um pouco de gordura), e que ela queima muito rápido. Minha frigideira não me curte! Só que ainda vou dar uma terceira chance a bichinha e quando o fizer, volto aqui para contar.

Não consegui virar a tempo. Não consegui virar na própria mini-frigideira. Resultado? Um porquinho queimado, sendo acudido na panquequeira mais simples.

Enquanto não testo de novo, não indico este como um utensílio legal para presentear. A Jo!e que me desculpe, mas a marca tem vários vacilos, especialmente considerando o preço de venda no Brasil. O timer de porquinho dessa marca, que ganhei do Tonho, quebrou com menos de um mês. A forminha de silicone que tenho deles em formato de ovo, para deixar o ovo com um formato mais bonitinho, não é tão prática para virar o ovo (falta uma haste para facilitar o manuseio), o ovo gruda no silicone, é difícil de tirar e o silicone branquinho começou a amarelar já no segundo uso. Pelo menos o meu jogo de fondue de chocolate funciona e meu almofariz pequenino também, ambos da Jo!e.

Para fazer esse post, dei uma pesquisada na net para saber se tinham outras opiniões rolando por ai. Encontrei de cara o blog de uma pessoa que recentemente postou sobre a frigideira e fotos das lindas panquecas. Não sei ainda se ela achou fácil ou não e se ela conseguiu fazer a carinha do porquinho nos dois lado, ou como ela fez para dourar o outro lado. Mas já escrevi para ela. A ver…. As outras fotos que achei da frigideirinha eram de pura oferta ou simplesmente mostrando a “novidade” (nem é mais tão nova assim).

Ufa! Depois de tanto trabalho.... foto da Tâmara

Alguém mais por aqui com experiências meio desastrosas com os produtos Jo!e? E experiências bacanas, que valem a pena ser compartilhadas? Muito me interessaria saber, viu?

Continuo adorando porquinhos, mas por enquanto, prefiro usar minha boa e velha panquequeira. Mas quando a Ceará vier me visitar, a gente testa fazer porquinhos novamente…

Beijos apanquecados!

Como diz o ditado: panela velha é que faz comida boa.

13 Comments Add yours

  1. pattybraga diz:

    Oi, Cath! Obrigada pelo link para meu blog.
    Minhas dicas sobre a melhor forma de utilizar a frigideira porquinho:
    A primeira coisa é colocar pouca massa de cada vez. Na minha foto você pode ver que a massa está um tanto abaixo do “nível” da frigideira.
    Em segundo lugar, improvise com a tampa de alguma outra panelinha que você tenha em casa e feche a frigideira, pois isso facilita o cozimento.
    Com a panqueca mais fina e a frigideira tampada, a massa cozinha bem mais depressa e você não queima o fundo (fogo baixo, sempre!).
    Na hora de virar, desgrude a panquequinha com uma espátula de silicone devagarinho e tenha paciencia! =)
    Meus primeiros porquinhos também não saíram perfeitos, mas a gente pega o jeito! Depois me conte se deu certo!
    Bjs

    1. cathvale diz:

      Oi Patty!
      MUITO OBRIGADA pela resposta e pelas dicas (= Como disse, minha amiga Tâmara fez isso mesmo: colocou pouca massa, teve paciência na hora de virar…. só não tinhamos feito esse lance de cobrir a panelinha para agilizar o cozimento. Mas continua sendo muito trabalho para mini-panquencas. Mas ainda vou dar uma terceira chance…
      Bjs!

  2. Tamy diz:

    Anna Catharina Vale, não fala assim do porquinho!!!! Cozinhar é paciência… o porquinho precisa de carinho tadinho!!!! hahahhahhaha Beijos amiga…

    1. cathvale diz:

      Tamy, chef-mago-da-frigideira-de-porquinho, quem precisa de carinho é meu estômago, não a frigideira, hahahahaha (=

  3. Talvez o problema seja com o porco. Será? Eu até que gosto de coisas queimadinhas, hehehehe. Agora o timer… é, esse não funcionou desde o começo. Faço uma proposta: faz uma coisa pra mim na frigideira de porquinho pra ver se dá certo? 😉

    1. cathvale diz:

      Faço sim. Ou melhor, faço de novo, sim (= E timer? Rola um novo?

  4. Cy diz:

    Eu, como grande amiga que sou kkkkkkk, acredito que a culpa é da frigideira kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Marrone, faz a normal que fica gostosa também, e a gente desenha a cara do porquinho, não?
    Um excelente alternativa para a nossa fome e para a nossa amiga-gourmet-utensilheira…
    Vortaaaaaaaaa logooooooooooo

    1. cathvale diz:

      Hahahahahaha e a gente desenha a cara do porquinho é ótimo! Vamso testar isso (=

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s