Tapioca com parmesão na massa é pra dividir com amigos!

Que tapioca é bom, isso não é segredo. Agora, nunca imaginei que pudesse ficar ainda mais especial. Para os amantes de queijo, essa mistura é apaixonante, cuidado! Manter a moderação vai ser difícil, o segredo é dividir com os amigos! Aproveito a oportunidade para falar sobre uma outra marca de goma que testei por aqui, seguindo a linha de 2 anos atrás. Será que mudou muita coisa?

TapiocaParmesao_CoracaoFrigideira2

Não faz muito tempo eu temia fazer tapioca em casa. Quem acompanha o Utensílios já deve ter se deparado com o relato sobre a goma Aiko e algumas dicas para fazer tapioca em casa. Hoje em dia, tem tapioca toda semana em casa e vira e mexe compro uma massa nova de tapioca para testar. Aliás, tenho me surpreendido bastante com a oferta nos supermercados. Eu que cresci achando que goma era goma e pronto, agora vejo florando várias marcas novas a cada mês. Fidelidade a uma marca eu não tenho e o melhor custo-benefício para mim segue sendo a goma que compro na CEASA, sem marca nenhuma, direto do feirante. Mas as vezes acabo recorrendo a gomas de supermercado e nunca me decepcionei ao ponto de dizer “nunca mais compro dessa marca”.

TapiocaParmesao_GomaDeliciaNordeste2TapiocaParmesao_Parmesa2Comprei a marca Delícia do Nordeste uma marca, que apesar do nome, é sediada em São Paulo. O site deles traz algumas receitinhas e o descritivo sobre a empresa, se perde falando que a tapioca virou queridinha no Brasil porque tem muita gente que não quer comer glúten para emagrecer. Se tivesse lido isso antes de comprar a massa, talvez não tivesse comprado só por implicar com essa mania de emagrecer a qualquer custo. Eu como tapioca desde criança, porque faz parte da nossa cultura. Ainda gosto de acreditar que a tapioca vem ganhando o Brasil porque passamos a voltar nosso olhar gastronômico para dentro da nossa própria cozinha e que as inspirações da culinária nacional passaram a ser tão importante quanto as gringas.

Apesar disso, a massa é boa. A goma já é hidratada, ou seja, não precisa colocar de molho na água, como nem era feito em casa, quando era criança – já falei sobre isso antes. Não acrescentei se quer sal. Agora, eu gosto de peneirar a goma na hora, direto na frigideira. Pode ser superstição, mania ou crença, mas é a única forma da goma ficar realmente mais leve e formar uma tapioca fininha. Já o preço é igual ao da concorrência e encareceu muito de dois anos para cá. A goma que comprei em 2012 custou quase R$ 4,00, hoje estão custando já quase R$ 9,00. Preço é praticamente padronizado por 500g.

TapiocaParmesao_ParmesaoNaMassa2Eu prefiro fazer goma em casa, como faço?

A goma de tapioca para fazer em casa pode ser feita com o polvilho doce ou azedo. O que determina se é doce ou azedo é o teor de acidez da fécula de mandioca, depois do processo de fermentação natural. O polvilho azedo costuma fermentar entre 15 e 30 dias a mais que o doce. Estamos falando aqui dos mesmos polvilhos que se usa para fazer pão de queijo. Se quiser fazer com o polvilho, você pode molhar e deixar descansando, que é a forma mais segura e é a técnica que dá o nome a tapioca, que vem do tupi, Typi-og e quer dizer do fundo da panela: a goma sedimenta e fica no fundo.

TapiocaParmesao_MassaFrigideira2Para que é do Pará e curte carimbó, a música do Pinduca “Garota do Tacacá” é presente na memória sempre que se fala de tapioca e tucupi: “rala, rala mandioca, espreme no tipiti, separa a tapioca, apara o tucupí…” Música e comida = cultura em dobro 😉 Para quem não conhece, deixo o vídeo. A letra da música descreve o processo indígena e tradicional, que é ralar a mandioca, espremê-la (os índios espremem num utensílio chamado tipiti, feito de palha), e depois deixam o líquido descansando. Para quem gosta de ler, compartilho novamente o post mais completo que já li sobre o processo de feitura de goma, a Neide do Coma-se dá uma aula! Lá ela explica tudo: como separar o tucupi, como pegar a goma, o que fazer com os farelos.

Aqui o vídeo com o Carimbó do Pinduca.

Mas e a tapioca com queijo?

Já que tem tapioca sempre em casa, eu vou inventando de acordo com a disposição do dia. Coloco linhaça em grão, farinha de linhaça, misturo com azeite, recheio com com tahine e mel (esse recheio foi dica da Maeve e da Naisha e é BOM DEMAIS!). Até que um dia caí na besteira de colocar queijo parmesão ralado na hora na massa e deixei torrar mais um pouco – aliás, cuidado, tapioca não tem gordura, logo não fica “douradinha” como crepe, ela queima!

TapiocaParmesao_Enrolada2

TapiocaParmesao_FormaFrigideira3Que ideia que eu tive, hein? Que maravilha ficou aquilo! Crocante, perfeito para comer puro, como uma torradinha. Perfeita para ser lambuzada de manteiga. Perfeita para acompanhar um pesto, um patê, um chutney. Simplesmente, simples e perfeito! Seria capaz de comer vários de uma só vez. Como fiz em casa, fui esperta, e não fiz muitos. Todos comemos, todos aprovamos as duas versões: enroladinha – mais maleável, e em formato de coração – mais durinha.

TapiocaParmesao_MiniFa2E qual não foi minha surpresa quando cheguei em Fortaleza e vi que alguns estabelecimentos estão agora vendendo tapiocas com queijo na massa?! Mas confesso que prefiro a minha versão caseira, com parmesão do bom, ralado em casa mesmo, feito cheio de amor e cheio de crocância. Testem e me digam. Testem e me convidem! E me contem qual a goma preferida de vocês. Como gostam de rechear a tapioca de vocês?

A receita é simples:

Tapioca com parmesão na massa

#utensílios:

  • ralador de queijo
  • vasilha
  • peneira de pelo menos 16 cm (Desse tipo é bem resistente!)
  • frigideira
  • cortador de biscoito em formato de coração
  • colher, garfo e um pegador

#ingredientes:

  • 1 MEDIDA (pode ser 1 xícara ou duas, ou 1/2) goma de mandioca hidratada – use a da sua preferência.
  • MEIA medida de parmesão de sua preferência, ralado (só não vale usar aqueles de saquinho, tá? Aquele lá não é só parmesão e a maioria tem gosto de sabão!).
  • Eu faço 1 xícara de goma com meia de parmesão: rende cerca de 8 corações. Se quiser fazer a tapioca inteira, vai render de duas a três.

TapiocaParmesao_CoracaoFrigideira2#preparo:

  1. Peneire a goma em uma vasilha e acrescente o queijo ralado.
  2. Misture levemente com um garfo, para que a goma não fique “empelotada”, com pequenas bolinhas.
  3. Aqueça a frigideira usando o fogo mais baixo possível, sem nada de gordura! Coloque a forminha ou as forminhas, e dentro preencha com cerca de duas colheres de sopa da mistura da tapioca com queijo.
  4. Torre por cerca de 2 minutos, com cuidado para não queimar. Para tirar a forminha, pegue com um pegador, ou pinça culinária, assim você evita se queimar. Vire o coração e deixe torrar do outro lado por pelo menos mais cerca de dois minutos.
  5. Retire e coloque num pratinho, espere esfriar para servir.

Beijos crocantes com toque de parmesão!

10 Comments Add yours

  1. Delano diz:

    Catharina, assim como você adoro tapioca, mas um ingrediente que não pode faltar é o coco, seja misturado à massa ou em forma de leite. Mas tem que ser coco fresco.

    Abraços.

    1. cathvale diz:

      Hehehehehe eu só gosto de um tipo de tapioca com coco, que é a molhada. Fiz um dia desses aqui em casa, com leite de coco caseiro: divinas! Desmancham na boca! Qualquer dia mostro aqui como é 😉

  2. Valeria Vale diz:

    Oi Cath, aqui em Fortaleza a marca que eu uso é a KI-GOMA ela é embalada a vácuo e durante bastante se bem armazenada na geladeira. A minha que faço costumo colocar queijo na massa só que de coalho e fica uma delícia!!!!! A Bel tambem ia comer que só. Bjs.

    1. cathvale diz:

      Legal, Valéria! Vou procurar essa goma por aqui. Aliás, você mencionou um ponto interessante: o armazenamento da goma! Já tive outras leitoras aqui perguntando como fazer para manter a goma fresquinha por mais tempo. Qualquer hora passo aqui para atualizar o post e colocar essas observações 😉
      Sobre a tapioca com queijo na massa, vou querer provar. Eu e a pequena 😉
      Bjs!

  3. Tapioca é vida!!!
    Vivo pedindo pra quem vem do Brasil trazer pra mim rsssss
    Adorei a dica do queijo na massa… Eu fiz uma vez já com coco, porque tinha pouco e todo mundo queria! 😉
    Beijos

    1. cathvale diz:

      Legal, Chris! Usou coco ralada na massa? As vezes uso farinha de linhaça ou linhaça em semente mesmo, fica bom tmb 🙂
      Tapioca é vida 😀 ❤

      1. Sim, coco na massa!!! Ficou show. mas, pra mim só funciona para os sabores doces.
        Vem cá, esse lance de hidratar polvilho… Polvilho normal? De fazer pão de queijo? Explica, please… Aqui tem MUITO polvilho, influência peruana! =D

      2. cathvale diz:

        Sim, Chris! O polvilho do pão de queijo 😉 Mas o polvilho doce. Testa aí e compartilha 🙂

  4. Venho em nome da empresa Delícia do Nordeste parabenizar pelo ótimo trabalho realizado pelo Blog Utensílos, ajudando a todos na arte de cozinhar.

    Parabéns.

    Ate.te.
    Willians da Silva
    Dep. comercial.
    Produtos Delícia do Nordeste Ltda-ME

    1. cathvale diz:

      Obrigada, Willians!

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s