Entre tapas y pintxos: uma aula memorável de culinária em Santiago do Chile

Comida é cultura, não me canso de repetir, e uma forma deliciosa de vivenciar, aprender e experimentar uma nova cultura é aprendendo a cozinhar algo local. Tentei fazer isso no Chile, porém dessa vez busquei uma aula que trouxesse um pouco tanto da cozinha tradicional quanto da internacional, facilitando depois o preparo em casa. A aula, realizada em Santiago, foi não somente deliciosa e cheia de surpresas agradáveis, mas também marcada por boa companhia, pelos novos sabores e por um chef animado, simpático e que fez todos na turma aprenderem um pouco de portunhol. Mais uma recordação única de viagem, que vou compartilhar com pessoas queridas sempre que reproduzir uma das receitas, ou um dos truques aprendidos.

AulaChile_001A viagem desta vez foi marcada por compartilhamentos e celebrações. Nos aventuramos a viajar com minha mãe e duas tias para comemorar os 70 anos de uma delas. Minha tia Cli também acredita que comida é cultura e resolveu, de uns tempos para cá, se aventurar na cozinha. Lá fomos as duas, numa noite de sexta-feira, curtir umas horinhas na cozinha.

AulaChile_009Esta aula foi feito em uma cozinha recreativa, voltada para reunir os amigos e celebrar uma boa comida. Diferente de outras aulas que já fiz em cozinha industrial, essa tinha um ar mais leve, com música bacana, bebidas e muita conversa compartilhada. Combinou perfeitamente com o clima descontraído da viagem!

AulaChile_003

Da escolha da escola à inscrição

Santiago do Chile é um local conhecido pelos bons restaurantes, pelos mariscos e peixes fresquíssimos, e pelos vinhos. A escola conseguiu reunir tudo isso em um lugar. Quando resolvemos ir, iniciei minha busca online e encontrei a Kitchen Club. Com poucas referências e apenas uma indicação de uma amiga que vive em Santiago – que disse que não conhecia a escola, mas que parecia boa – fiquei surpresa com a infraestrutura que apresentavam no site e, logo, com o atendimento.

AulaChile_005A Kitchen Club é uma escola voltada para gastronomia recreativa, com ambientes descontraídos, que proporcionam entrosamento, além também de funcionar para eventos. A primeira escola foi criada em Madrid, na Espanha, pelo Carlos Pascal, que depois quis crescer, encontrou parceria e abriu finalmente em Santiago do Chile. Com cozinhas muito bem equipadas, conta com o patrocínio de grandes marcas, sendo o carro-chefe a Electrolux. Fogões, coifas, chaleiras, mixers, panelas, tudo muito bom. Diversas marcas são parceiras: Thermomix, Le Creuset, Riedel a escola é um showroom prático de todos os utensílios que se vê por aí. Ideia excelente, já que ali se vê na prática como cada coisa funciona.

AulaChile_006Quando vi o site pela primeira vez, fiquei achando que seria uma cilada tipo mostruário de marcas, mas fui pesquisando sobre as aulas, os instrutores e chefs, e quanto mais pesquisava mais gostava. Então resolvi fazer a nossa inscrição para um curso de Aperitivos, Tapas y Pintxos, comida para beliscar, em pequenas porções, boas ideias para receber em casa. Os nomes tapas y pintxos são de origem espanhola, mas o menu, como já disse, era internacional.

AulaChile_007O site é de fácil navegação, os valores são claros e você pode fazer sua inscrição online. Porém, quando eu tentei fazer, tiver problema. Mandei um e-mail e a responsável pelo contato com alunos, a Paulina, respondeu e me ajudou. A solução final foi realmente fazer o pagamento na hora. Para isso, ela garantiu nossas vagas, minha e da minha tia, confiando na gente, já que não demos sinal financeiro algum, nem dados de cartão de crédito. Confiança foi a palavra da vez.

O valor da aula foi algo cerca de R$ 250,00. Quando chegamos em Santiago, enviei novamente um e-mail para a Paulina, avisando que já estávamos na cidade e que estaríamos lá na sexta-feira. Pagamos em dinheiro, em pesos chilenos. Tudo tranquilo!

AulaChile_002

Surpresas e mais surpresas!

Além do cardápio maravilho, das aulas práticas e do avental, minha maior surpresa ficou por conta do open bar de cervejas, espumantes e vinho. Ah, tinha água e refrigerante. Já havia lido que bebida estava inclusa, mas não imaginei aquela facilidade. Chegamos, colocamos o avental, servi uma taça de vinho rosé e aí sim, fui pagar meu curso. Cozinhar com uma taça de vinho é um convite para sentir-se em casa e entre amigos. Para minha surpresa, depois do primeiro brinde, olhei para as pessoas e avistei ali um rosto conhecido.

AulaChile_014Mais uma agradável surpresa, encontrei lá na aula um colega de Brasília, que havia sido estagiário em um local em que trabalhei em 2005. Dez anos depois, reencontrei o Tiago no Chile (foto acima)! E de repente minha dupla brasileira com minha tia se transformou num trio. E chegou o nosso Chef, o Pablo, que ao descobrir que éramos brasileiros imediatamente se esforçou para falar português. Compartilhou conosco seu carinho pelo Brasil, que aumentou durante os seis meses que passou vivendo em São Paulo, trabalhando com Alex Atala e Helena Rizzo. Incrível! Simpático, ele brincava a todo instante que ensinaria a todos algumas palavras em português. Realmente, estava me sentindo em casa!

AulaChile_004O menu e a dinâmica das aulas

Aulas práticas com enfoque técnico tem a vantagem de você preparar tudo sozinho, com seu mise en place reservado. Normalmente, nada picadinho, cada um prepara o seu. Ali, no Kitchen Club, tínhamos um mise en place por receita e todas foram executadas conjuntamente – de verdade! Sabe aquelas cenas de filme em cozinha italiana, em que um corta os tomates, o outro pica a cebola, enquanto outro mexe a panela e todos conversam e bebem? Foi assim,  da primeira à última receita! E ,detalhe, o Chef não tinha ajudantes da escola. Éramos nós na casa, cozinhando juntos noite a dentro.

AulaChile_010Ele explicou o cardápio da noite, as peculiaridades de alguns ingredientes e o script da noite. As 3 horas previstas extrapolaram a sexta a noite, cozinhando, degustando, bebericando. Cada preparo contava com a ajuda de todos. Às vezes alguém mais perto dele, às vezes em grupos. Ajudei o Chef a preparar o molho do prato que foi uma das grandes descobertas de sabores da noite: Loco-lima-tokyo. Locos são uns moluscos típicos do Chile, que na ocasião foram servidos como ceviche, com um molho que levava ají amarelo, do Peru, e pasta de misô, típica do Japão. Daí o nome. Um espetáculo!

AulaChile_016Outra maravilha da noite foram os Mariscos parmesanos (foto acima). Preparo típico para servir vieiras, o Chef preparou com um toque de limão e uma mistura sensacional de vieiras chilenas, machas (outro marisco típico do Chile), lula e camarões. Ainda bem que nossos preparos não foram só para dar uma provinha, mas para que todos pudessem comer bem. Comi duas porções. Depois mais uma. Daí um dos colegas disse: “Come mais, você não come carne. Vai, pode comer!” E logo vários diziam, “é verdade, come!”. E eu, claro, comi!

AulaChile_008Não bastasse isso, pela primeira vez cheirei, limpei e comi ostras (foto do time das ostras acima). Essas foram fritinhas no panko e servidas com maionese de capim santo, feita ali na hora por nós (foto abaixo). Eita, que já nem lembrava que tinha sido 100% vegetariana por mais de 10 anos!

AulaChile_011Mas a grande surpresa para muitos foi o mini-hambúrguer recheado com foi gras. Sim, com essa iguaria francesa, que não me apetece em nada (fígado de ganso, feito de maneira cruel, bom, não). Mas ajudei a preparar vários. Só que isso não foi a surpresa da minha noite. Talvez os cogumelos típicos do Chile que ajudei a cortar. Mas não. Tampouco foi o frango satay. Afinal, também não como frango e o molho de amendoim tive o prazer de aprender a fazer na Tailândia. Mas foi dessa combinação que nasceu a maior surpresa da noite. O Chef, quando se tocou que eu não comia dois dos pratos, resolveu sair do seu caminho, correu na despensa, pegou um peixe típico do Chile, reina, e preparou ali, diante de todos, um pratinho para mim (foto abaixo). Só para mim. Tive o prazer de ter tido a Roberta Sudbrack cozinhando um risoto só pra mim quando fiz uma aula com ela. E agora ali. O lado vegetariano tem suas vantagens, ainda que já nem tão mais vegetariano.

AulaChile_012Como disse um colega estusiasmado, “Esto és um regalo para ti!”. Sim, era um presente. E, mais uma vez, me senti em uma cozinha de casa, confortável com tudo ali. E voltei para casa com a sensação de ter sido mesmo presenteada. Indico a escola para quem for por Madri ou  Santiago do Chile e tenho certeza que, se me aventurar em uma das duas cidades novamente, vou passar pela cozinha deles de novo.

Um kitchen-beijo-club!

AulaChile_015

 

 

 

10 Comments Add yours

  1. Nossa Catharina que experiência fantástica! Realmente o conceito e lugar são impecáveis! Fiquei impressionado com a dinâmica e ambientes! Parabéns!!! Olha, com certeza é parada obrigatória em Santiago! 🙂

    1. cathvale diz:

      Se marcar de ir por aqueles lados, de uma paradinha por lá 😉 Lugar 10! 🙂

  2. Fabiana diz:

    Ai, que legal! Adorei o post! Quero muito ir. E, tomara, vamos juntas! E vi nas fotos que eles usam a tábua da JosephJoseph. Acabei de trazer uma da França. Não há nada igual. Design é mesmo algo muito interessante. Beijo!

    1. cathvale diz:

      Temos que fazer uma nova aula juntas pelo mundo a fora 😉 Logo! E sobre a tábua, te confesso que gostei mais ou menos. Estás feliz com a tua? Algumas vezes me atrapalhou a cortar e quem era canhoto, penou um pouco mais. Mas no geral, macia e a sensação de que fazia carinho na faca 😉 Bjs!!!

  3. Li Lien diz:

    Obrigada. Me inspirou. Planejando ir ao Chile em agosto e ter o prazer de fazer uma aula como essa. Parabéns!

    1. cathvale diz:

      Feliz que tenha te inspirado. Tomara que goste tanto quanto eu 🙂

  4. Bianca diz:

    Olá gostaria muito de conhecer esse curso ,pois sou brasileira e estou morando em Santiago ,e estou querendo fazer um curso de gastronomia e gostaria de mais informações sobre as aulas, como tempo de curso ,horário e telefone de contato ou se tiver outras sugestões de curso alguém eu gostaria um bj Bianca collura

  5. Bianca diz:

    Gostaria de mais informações sou brasileira e estou residindo em Santiago e gostaria de sugestões do curso por exemplo telefone horários dias …por gentileza Bianca

    1. cathvale diz:

      Olá Bianca! Entre em contato diretamente com a escola. Eu participei de um curso e fiz minha inscrição diretamente do Brasil. Boa sorte!

  6. Li Lien diz:

    Querida inspiradora, agendado o curso no Chile para 17/08/16. Comprei via webpal e deu tudo certo. O nome do curso é “Una cena Perfecta” e aguardo ansiosa por ele. Paguei aproximadamente R$ 280,00. Muito barato pelo custo benefício e em relação aos workshops oferecidos em nosso país. Muito obrigada pelo seu post. Continue assim. Com cursos novos e nos atualizando. Abraços.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s